segunda-feira , 12 novembro 2018
Home » Empregos » Agências FGTAS/Sine oferecem atendimento preferencial a pessoas com deficiência e reabilitados

Agências FGTAS/Sine oferecem atendimento preferencial a pessoas com deficiência e reabilitados




Semana é promovida pela Faders e outras instituições – Foto: Divulgação

A Fundação Gaúcha do Trabalho e Ação Social (FGTAS), em 83 Agências FGTAS/Sine, promove o dia de atendimento preferencial das pessoas com deficiência e dos beneficiários reabilitados do INSS, nestas sexta-feira (24). O evento oferece serviço de intermediação de mão de obra e atividades de orientações sobre o mundo do trabalho.

A proposta da ação é promover e ampliar a inclusão do público com deficiência e reabilitados do INSS no mundo do trabalho, pela intermediação de candidatos e oferta de vagas de emprego. Na data, será prestado atendimento preferencial com a reserva de, no mínimo, um guichê exclusivo para o público-alvo do evento nas unidades da FGTAS.

As agências oferecem vagas específicas para pessoas com deficiência e reabilitados, possibilitam que empresas façam entrevistas em suas dependências no dia do evento, além de proporcionar oficinas, palestras e seminários sobre o mundo do trabalho e temas correlatos.

 

Empregadores interessados em selecionar trabalhadores com deficiência ou reabilitados podem cadastrar vagas de emprego no evento. Basta entrar em contato com a Agência FGTAS/Sine mais próxima, pessoalmente, por telefone ou no site da FGTAS. Os endereços e horários de funcionamento das unidades estão disponíveis no site.

 

Para se candidatar às oportunidades de emprego, os trabalhadores devem comparecer à Agência FGTAS/Sine mais próxima, na data do evento, com Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS). Os trabalhadores serão cadastrados no sistema do Ministério do Trabalho e aqueles que possuírem perfil profissional compatível com as vagas de emprego abertas receberão carta de encaminhamento para participarem de entrevista com o empregador.

 

O evento insere-se na programação da 22ª Semana Estadual da Pessoa com Deficiência, que ocorre de terça (21) a terça-feira (28), com o tema ‘Conviver é acolher as diferenças’. A semana é promovida pela Fundação de Articulação e Desenvolvimento de Políticas Públicas para Pessoas com Deficiência e com Altas Habilidades no Rio Grande do Sul (Faders) em parceria com diversas instituições.

Envolve atividades voltadas para a educação, o paradesporto, a saúde, o trabalho, o empreendedorismo, estágios, a tecnologia assistiva, entre outras. A programação completa está disponível no site da Faders.

 

Agências FGTAS/Sine e Balcão Cidadão participantes

 

Alegrete, Alvorada, Arroio do Meio, Arroio dos Ratos, Bagé, Bento Gonçalves, Cachoeira do Sul, Cachoeirinha, Caçapava do Sul, Camaquã, Campo Bom, Canoas, Canguçu, Capão da Canoa, Capela de Santana, Carazinho, Caxias do Sul, Charqueadas, Cruz Alta, Dom Pedrito, Encruzilhada do Sul, Erechim, Esteio, Estrela, Farroupilha, Feliz, Frederico Westphalen, Garibaldi, Getúlio Vargas, Giruá, Gravataí, Guaíba, Ibirubá, Ijuí, Jaguarão, Lagoa Vermelha, Lajeado, Marau, Montenegro, Nova Hartz, Nova Prata, Nova Santa Rita, Novo Hamburgo, Osório, Palmeira das Missões, Passo Fundo, Pelotas, Porto Alegre (Centro, Azenha, Tudo Fácil Centro e Zona Sul e unidade do Sine Móvel no Vida Centro Humanístico), Quaraí, Rio Grande, Rolante, Rosário do Sul, Santa Cruz do Sul, Santa Maria, Santana do Livramento, Santa Rosa, Santiago, Santo Ângelo, Santo Antônio da Patrulha, São Borja, São Francisco de Paula, São Jerônimo, São Leopoldo, São Lourenço do Sul, Sapiranga, Soledade, Tapejara, Taquara, Teutônia, Torres, Tramandaí, Três Coroas, Três de Maio, Triunfo Centro, Uruguaiana, Vacaria, Venâncio Aires, Veranópolis e Viamão. Os endereços e horários de funcionamento das Agências FGTAS/Sine e Balcão Cidadão participantes estão disponíveis no site.

 

Lei de Cotas

 

A contratação de Pessoas com Deficiência está prevista na Lei de Cotas (8.213/91), implantada em 1999, pelo Decreto 3.298. A legislação estabelece a reserva de vagas de emprego, em empresas com 100 ou mais funcionários, para pessoas com deficiência ou que sofreram acidente de trabalho, beneficiárias da Previdência Social (reabilitadas). As cotas variam de 2% a 5%, conforme o número de colaboradores da companhia.
Fonte: Secom-RS



Mais notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *